A Importância do Dinheiro no Neopentecostalismo: o caso da Igreja Internacional da Graça de Deus

Celso Gabatz

Resumo


O presente artigo procura refletir algumas questões acerca do dinheiro como elemento mediador na relação com o sagrado, no que tange a experiência religiosa neopentecostal. A referência empírica escolhida para a pesquisa é a Igreja Internacional da Graça de Deus. A compreensão do dinheiro não pretende aqui ser reduzida apenas a uma crítica utilitária e oportunista enquanto expressão de fé daqueles indivíduos que se inserem neste grupo religioso. O dinheiro é um símbolo que deve ser compreendido e analisado à luz do sistema de dádiva. No contexto de uma sociedade centrada na economia de mercado, o dinheiro assume um caráter peculiar e parece ter encontrado um ambiente propício no âmbito religioso neopentecostal, para multiplicar bênçãos materiais aos que o santificam segundo os propósitos e ensinamentos da Igreja Internacional da Graça de Deus e o seu discurso alicerçado na Teologia da Prosperidade.  


Palavras-chave


Neopentecostalismo no Brasil; Fenômeno Relogioso; Religião na Contemporaneidade

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.22351/nepp.v28i0.303

Direitos autorais

 

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional

 ISSN 1678-6408


Rua Amadeo Rossi, 467
Morro do Espelho - São Leopoldo - RS - Brasil
CEP 93.030-220 - Tel.: +55 51 2111 1400